A secretaria de Estado de Saúde – SES/MT – alerta a população para a importância de se vacinar. O alerta é feito em um momento no qual o país sofre ações dos “grupos anti-vacina”, que disseminam informações sem qualquer evidência científica nas redes sociais. Mato Grosso foi alertado a respeito dessas ações pelo CONASS – Conselho Nacional de Secretários de Saúde – que emitiu nota pública, durante o encontro nacional de secretários, repudiando a atuação desses grupos, que tentam tirar a credibilidade das vacinas e consequentemente o alcance da imunização.

“As estratégias de vacinação no Brasil, bem como a inclusão de vacinas no Programa Nacional de Imunização (PNI) são decisões respaldadas em bases técnicas e cientificas, considerando as evidências epidemiológicas e sua eficácia e segurança.” Enfatiza a Nota do CONASS.

Ainda de acordo com o CONASS, a inclusão de qualquer imunobiológico no país é definida após registro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec), a partir de criteriosa avaliação do Comitê Técnico Assessor de Imunizações do Ministério da Saúde.

Todas as vacinas são submetidas a um rigoroso controle desde sua origem, tendo sua logística de distribuição e rede de frio organizada no sentido de manter esta qualidade.

O CONASS conclui a nota afirmando que as secretarias de Saúde dos Estados e do Distrito Federal, em parceria com o Ministério da Saúde e municípios, continuarão cumprindo seu papel no sentido de garantir o amplo acesso da população a esse direito.

Da Assessoria

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA